domingo, 26 de março de 2017

Foste a jóia mais preciosa que amei tanto


 

 
 
Foste a jóia mais preciosa que amei tanto
Foste o sol radiante a sorrir para mim
Foste lúdica aventura de encanto
Foste o aroma mais puro dum jasmim. 
 

Foste tudo na minha vida plena
Foste a alma e o amor do meu jardim
Foste a luz brilhante, calma e serena,
Foste a guia, estrela a descer sobre mim.
 

Fui jóia verdadeira, brilhante e pura
Fui para ti fascínio e loucura
 Fui doce afago dum véu de cetim.
 

Fui o mais puro e sublime olhar p’ra ti
Fui  amor maior que no teu peito senti
Fui encantamento  eterno, sem fim!...

                          «»
Poema de - Zélia Chamusca
Fonte de limagem - Google

2 comentários:

  1. De sensibilidade apurada e beleza infinita...Te abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito grata, Querida e Grande Poetisa, Marcia Portella, pelo seu comentário. Fico feliz por ter apreciado. Beijinho,ZCH

      Eliminar