quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Este Amor


                                          
      
 
 Ah! Este amor que fascina e arrebata a alma,

que incendeia o corpo e tranquiliza e acalma…

 

Ah! Este amor que brilha na luz do olhar

pelo encanto do sonho num não acordar…

 

Ah! Este amor que é doce e cega loucura,

ilumina a alma de encanto e ternura…

 

Ah! Este amor que dá vida ao corpo e à mente,

 é aponia, ápice do prazer, no que ama e sente…

 

Ah! Este amor não se compra nem se vende

é aquele amor que nunca alguém entende…

 

Ah! Este amor que não tem qualquer jeito

é o amor verdadeiro que trago no peito!


                              
 

                                       

Poema de - Zélia Chamusca
Fonte de imagem - Google

2 comentários:

  1. Amor a sério é assim...
    Excelente poema, como sempre.
    Boa semana, amiga Zélia.
    Beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Grande Poeta, Jaime Portela!
      É verdade que é assim. O difícil é ser assim.
      Os meus poemas são realistas.
      Muito grata e beijinho,
      ZCH

      Eliminar