sexta-feira, 17 de junho de 2016

Vosso afago a envolver-me








Sempre que a saudade vem
À memória no momento,
Lembro o que tive de bem,
Mas, sinto o mal do tormento…

Tormento p’lo que perdi
E não mais voltarei a ter,
Quanto de bom eu vivi!
Agora, basta sofrer…

A sofrer por não vos ver,
Embora em mente  vos sinta
Num afago a me envolver,
Vosso calor eu pressinta.

Sentimento indefinível
Que absorve todo o meu ser,
Não sendo aos olhos visível
Sinto-vos junto a mim ter…
                       «»

                                  Zélia Chamusca

2 comentários:

  1. Quando tais sentimentos se apossam do ser, decerto q o coração está tomado pelo mais nobre dos sentimento; O amor.
    Bravosssss, minha querida.
    Bjssss

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Grata, Monica, pela sua reconfortante sensibilidade. Beijinho, ZCH

      Eliminar