domingo, 14 de dezembro de 2014

O Verdadeiro Sentido do Natal

                                                  

                                             
                                                               Por Zélia Chamusca

Natal é a comemoração do nascimento de Jesus, não se sabendo ao certo quando nasceu, pressupõe-se que terá nascido há 2016 ou 2018 anos, embora segundo o calendário gregoriano, o calendário cristão que seguimos, tenha nascido há 2014 anos e começado a ser celebrado pela igreja Católica, no terceiro século d. C.
O verdadeiro sentido do Natal é o amor:
"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigénito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele " (João 3:16-17).
E, assim, Jesus deixou-nos a Sua Mensagem de Amor:
“Eu vos dou um novo mandamento: amai-vos uns aos outros. Como eu vos amei, assim também vós deveis amar-vos uns aos outros” (João 13,34).
Seria bom que refletíssemos sobre isto para encontrarmos o verdadeiro sentido do Natal seguindo Jesus.
Tudo o que há de verdadeiramente bom encontramo-lo através do Seu amor, seguindo o Seu caminho.
"Eu sou o caminho,  a verdade e a vida" (João 14:6).
Como poderemos celebrar o Natal se não seguirmos Jesus Cristo?
Será que O seguimos, quando:
A cidade está iluminada pelas luzes festivas do Natal e na rua dormem pobres ao frio, à chuva e à fome?
Quando alguns enchem as lojas comprando presentes de marcas de grifes caríssimas: Louis Vuitton, Prada, Lanvin, Chanel,  Jimmy  Choo, Cartier, Gucci, Hermès Paris, Rolex, Christian Dior; enquanto outros ficam sem subsídio de Natal não sendo pago aos funcionários públicos e roubando-o aos reformados, para pagarem (dizem) a crise que os maus governantes e a corrupção originaram?
Quantos ficam, neste Natal, sem condições para poderem fazer a sua ceia de Natal; quando há ricos que estão cada vez mais ricos e pobres cada vez mais pobres?
Quando destroem a classe média que em breve estará mais pobre que os pobres?
Quando fecham hospitais, encerram empresas, fecham tribunais, destroem estruturas sociais mandam emigrar os jovens desempregados, aumentam o desemprego cortam os ordenados e roubam as reformas aos reformados?
Repito, quantos ficaram neste Natal sem dinheiro para poderem fazer a sua ceia de Natal?   
Celebrar o Natal  é comer, beber, comprar os presentes de marcas de grifes caríssimas e encher-se à custa dos que são explorados?
Celebrar o Natal são festas luxuosas, banquetes, é ter a mesa cheia, com caviar, lagosta e lagostim até fartar,  e, Moët & Chandon, Perrier Jouët ou Veuve Clicquot Ponsardin; enquanto há, em Portugal, mais de dois milhões de pobres em extrema pobreza?
Para que celebremos o Natal é necessário que haja Natal. O que atrás descrevo não é haver Natal.
Como celebrar o Natal se não há Natal?
Só quando houver Natal poderemos celebrá-lo.
Natal é nascimento, nascimento de Jesus Cristo que, ciclicamente, se repete como num ciclo de eterno retorno,de renovação.
Natal é renovação dos nossos corações abrindo-os ao amor e fraternidade seguindo Jesus Cristo, na Sua Mensagem de Natal:
“Eu vos dou um novo mandamento: amai-vos uns aos outros. Como eu vos amei, assim também vós deveis amar-vos uns aos outros” (João 13,34).
Só quando nos amarmos uns aos outros como Jesus nos ensinou, poderemos, unidos pelos laços da fraternidade, celebrar, cantando em uníssono, o Natal – FELIZ NATAL!

                                                                                                    Zélia Chamusca

                                                                                                        Dezembro / 2014

Fonte de imagem - Google

http://www.noticiasaominuto.com/pais/301452/ha-2-88-milhoes-de-portugueses-em-risco-de-pobreza

9 comentários:

  1. Zélia, Natal é para os que têm "um coração puros e as mãos limpas para poderem entrar no santuário para O louvar". Natal é seguir exemplos de humildade e dispor-se a servir sem esperar ser servido, tal como Jesus o fez em toda a Sua vida. Mas infelizmente há muitos para quem o Natal é um mundo oco e podre de luxo e esbanjamento.... Eu acredito que há algo de divino em cada um de nós, porque fomos feitos "à Sua imagem e semelhança", apenas lamento e me entristece, que os homens queiram apagar essa pequenina chama das suas vidas... Um dia, quem sabe, o Homem entende que seguir Deus, não é jugo, não é grilheta, não é prisão, é antes VIDA, PAZ, LIBERDADE e acima de tudo AMOR. Um Santo e Feliz Natal, com o coração cheio de tudo o que realmente importa. Beijinho sem tamanho.Paula

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Paula,
      Este comentário ilumina a minha alma e adocica o meu coração. Só o sentimento de uma mulher de fé e a sensibilidade de uma grande poetisa, como Paula Homem, o consegue.
      Retribuo um Santo e Feliz Natal com o amor que merece na medida do que dá.
      Grande Beijinho,
      ZCH

      Eliminar
  2. Llego hasta tu sitio por intermedio de un comentario tuyo en el blog de Evanir… con tu permiso me quedo para seguirte!
    La Navidad es ese niño que nace en nuestro interior, que motiva en nuestros corazones los sentimientos más nobles y esa esperanza por un mañana mejor.
    Que el año nuevo traiga consigo un sueño por el cual luchar, un proyecto que realizar, un lugar donde descansar, amigos en quien confiar… Felices fiestas te deseo con mucho cariño!

    ____________________*_/\_
    _____________________) " (
    ____________________*Paz*
    ___________________*Unión*
    __________________*Alegrías*
    _________________*Esperanzas*
    ________________*Amor*Suceso*
    _______________* Realizaciones *
    ______________*Respeto*armonía*
    _____________*Salud***solidaridad*
    ____________*Felicidad****Humildad*
    ___________*Confraternización**Pureza*
    __________*Amistad**Sabiduría*Perdón*
    _________*Igualdad*Libertad*Buena Suerte*
    ________*Sinceridad*Estima***Fraternidad*
    _______*Equilibrio**Dignidad**Benevolencia *
    ______*Fe*Bondad*Paciencia*aventura**Fuerza
    ____*Tenacidad-Prosperidad *** Reconocimiento *
    __*Son mis deseos Feliz Navidad y Año Nuevo 2015*
    ___________________ (`•.•´)___________________
    ___________________ (`•.•´)___________________
    ___________________ (`•.•´)___________________
    ___________________ (`•.•´)___________________
    ___________________ (`•.•´)___________________
    ___________________ (`•.•´)___________________
    ___________________ (`•.•´)___________________
    ___________________ (`•.•´)___________________

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cristina,
      Que nos amemos unos a otros como Jesús nos ha amado.
      Gracias por seguirme.
      Feliz Navidad,
      ZCH

      Eliminar
  3. DEIXO-VOS A TODOS o meu comentário com o desejo de que vivamos, unidos pela fraternidade, um permanente Natal.

    Sei que o que escrevi sobre o Natal é triste porque triste é a realidade do Natal, no mundo em que vivemos e que criámos, e quão diferente do que Jesus nos ensinou.
    É total antagonismo que, só por mera ironia ou fantasia poética, poderá ser descrito de outra forma.
    É bela a poesia, é sonho, é fantasia… Embalo do coração…
    Porém, é necessário que partindo deste sonho, do sonho do verdadeiro Natal, possamos criar uma nova realidade.
    Neste Natal é tempo de acordarmos do sonho, para que possamos deixar a brincadeira da fantasia de criança e, voltados para a realidade seguirmos a Mensagem que Jesus nos vem de novo trazer para que unidos pelos laços da fraternidade construamos UM MUNDO MELHOR de paz, amor e fraternidade.
    Abraço fraterno,
    ZCH

    ResponderEliminar
  4. Uma excelente reflexão acerca do real sentido do Natal. Porque a maioria de nós já deve estar esquecida de muitas coisas...
    Um beijo, querida amiga Zélia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Nilson Barcelli,

      Anda o mundo esquecido do verdadeiro sentido do Natal e por isso é sempre bom lembrar embora saiba que a maioria não quer saber porque olha só para si próprio.
      Desejo um Feliz e Santo Natal.
      Meu abraço fraterno,
      ZCH

      Eliminar
  5. Querida Zélia Chamusca,
    Felicito-a por se esforçar pelo aproveitamento espiritual desta quadra festiva, uma data em que se renovam as ideias de fraternidade e se fazem projectos de mudança para sermos melhores a partir de agora num Novo Ano. Tal intenção de mudança deve ser uma constante em cada momento da nossa vida. Não devemos falar nestes propósitos, apenas no período natalício, mas em permanência, a fim de, com a boa vontade de cada um, se recuperarem os valores que a humanidade tem vindo a perder deixando-os ser substituídos por vícios degenerativos como o dinheiro e outras doenças que destroem o bom espírito de relacionamento entre as pessoas, com respeito mútuo e muita amizade não interesseira. Amai os outros como a vós mesmos». É com tal espírito que se constrói UM MUNDO MELHOR, como teve o bom gosto de dar por título ao seu mais recente livro de poesia.
    Votos de um Feliz Natal e de muitos êxitos no Ano Novo de 2015.
    Beijo
    A João Soares

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ilustre Sr. A. João Soares,
      Muito grata pelo seu importante comentário e retribuo um muito Feliz Natal e que o Novo Ano seja melhor que 2014. Isso depende de todos nós unidos no mesmo mobil pela escolha do caminho para UM MUNDO MELHOR e, teremos oportunidade de por ele enveredarmos. Meu abraço fraterno, ZCH

      Eliminar