quarta-feira, 19 de março de 2014

Desvendai os olhos a Diké!





Porque vendaram os olhos a Diké?

Ela conhece bem quem vai julgar

se é o pobre; se é o rico.


Não precisa ver,

julgará às cegas

para sempre renegar

o pobre que vai julgar.


O rico não é julgado,

não precisa, não é culpado…

Assim, não será julgado

porque o processo é demorado,

parado até prescrever.


Depois, é o que estamos a ver:


Às cegas condena-se o pobre

que a piza furta para comer,

mas, o rico rouba o pobre

e fica rico não precisa ser julgado,

paga à justiça com o que foi roubado.


E, até o Estado rouba o pobre reformado

para pagar  milhões

que pelo rico foi roubado.


Vendaram a justiça

que às cegas não aplica punição

à corrupção

que destruiu o País e a Nação!


A corrupção está a gerar riqueza

que está a aumentar,

estando por isso

tantos em linha de espera

pela terminação

do prazo de prescrição.


É, assim, a justiça nesta Nação!


Diké, cega, de olhos vendados para os corruptos,

 vê sem alma o pobre e honesto trabalhador

a quem corta o ordenado

e o pobre reformado que é quem paga

o que foi pelo corrupto roubado

que não é julgado!


É sempre o pobre que paga

o que o rico rouba,

rico porque o pobre rouba.


É assim a moral

duma humanidade

de corruptos desumanos

nesta sociedade!


Desvendai os olhos a Diké

para que bem abertos

distribua, equitativamente, a justiça

e com a sua espada

imponha a força da Lei

contra a corrupção

que destruiu o País

e esta nobre Nação!

           «»
Poema de - Zélia Chamusca
Fonte de imagem - Google

2 comentários:

  1. Mas Zélia, por isso dizem que a justiça é cega. "Ela" não tá nem vendo os mais necessitados! Trata apenas de beneficiar os mais beneficiados.
    Bjsssss

    ResponderEliminar
  2. Monica, o significado original da venda nos olhos é: equidade para todos.

    Porém eu, ironicamente, digo para lhe desvendarem os olhos porque ela em vez de julgar em termos de equidade não o faz e, talvez por ter os olhos vendados (ironia).

    Há uma justiça para pobres e outra para ricos. É por isso que é cega quando deveria ser cega julgando todos igualmente, isto é, em função de dados provados e não em função de influências e interesses...

    Grata, Monica, pela presença e beijinho,
    ZCH

    ResponderEliminar