sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Incentivo aos infratores


Coitados dos infratores
Que não puderam pagar…
São todos uns bons gestores
Sabem bem administrar

O negócio que bem gerem
Por sua conta e risco,
Pagar ao Estado não querem,
É melhor fugir ao fisco.

Têm benefícios fiscais
Põem o dinheiro a render
Ganham muito e muito mais
Só benefícios vão ter.

Ser esperto é não pagar
Ganha com o perdão fiscal.
Dá lucro prevaricar
Que o Estado premeia o mal!

O cumpridor é que paga,
Paga o pobre reformado,
Vive-se assim nesta saga,
A alguns cortam o ordenado.

Inteligente incentivo
Para os que fogem ao fisco
É um enorme motivo
Trabalhar por conta e risco!
                    «»

                            Zélia Chamusca

2 comentários:

  1. Cara Amiga Zélia,

    Segundo a notícia Pensões de viúvos. Cortes mais duros depois das europeias e o motivo, segundo tudo indica, é de não perder votos nas eleições. Esta AMEAÇA PARA BREVE AGRAVAMENTO DOS CORTES, efectua-se apesar da propaganda de que a crise já passou e vamos começar a crescer. Atriste realidade é que tais fantasiosas promessas são apenas ilusões fantasias de campanha eleitoral. VOCÊ VAI VOTAR? Pense. O povo continua a empobrece cada vez mais. Mas os tachistas de fundações e empresas e instituições públicas continuam a enriquecer. E a corrupção, o tráfico de influências , as negociatas, a promiscuidade entre cargos públicos e interesses privados, continuam à solta sem adequada legislação e acção da Justiça.
    Vale a pena ler o artigo ,<a href="http://www.ionline.pt/artigos/portugal/helena-matos-os-jovens-podem-chegar-reforma-numa-pobreza-ja-nao-devia-existir-0/pag/-1 ”><b>Os jovens podem chegar à reforma numa pobreza que já não devia existir”></b></a> que nos mostra que o actual Governo DEIXA UMA PESADA HERANÇA DE POBREZA aos vindouros, apesar das falsas esperanças que vai divulgando em tom de campanha eleitoral. São vários os sinais das ameaças que já pesam nos ombros dos jovens de hoje.

    Beijo
    João

    ResponderEliminar
  2. Ilustre Sr.A.João Soares,

    É tudo como diz. Porém, ninguém deve deixar de votar. Temos que votar todos mas nunca nos partidos que levaram o país a este estado e muito menos nos que nos roubam para dar ao capital. Não votar é votar neles, nos que estão do poder. As abstenções não contam para o apuramento dos resultados . Há outros partidos que ainda não deram provas e outros irão surgir.

    É votar o mais à esquerda possível! Votar à esquerda é votar contra estes governantes que se governam destruindo tudo e destruindo-nos a nós!Não permitamos!

    Eu espero que a maioria que são os esplorados não votem mais nestes... Já basta!

    Votar sim e sempre mas em partidos que nada têm a ver com a destruição do país e com o roubo que nos estão a fazer. Roubam-nos para pagar o que eles roubaram e enriquecendo-se cada vez mais . Os ricos estão mais ricos e os pobres mais pobres e a classe média a ficar pobre. Isto é crime contra a humanidade. Espero que venham a ser punidos e pena cumpridas!

    Grata por seu comentário e vá votar! Mas nunca neste que tem estado no poder e muito menos nos atuais!
    Beijinho,
    ZCH

    ResponderEliminar