quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Amor é...

                                    








Amor é…
Subir ao céu do encantamento,
beijar as estrelas do firmamento,
mergulhar com os anjos no mar profundo
e sobrevoar o mundo…

É a nobreza do sentimento,
é abraçar o universo em cada momento,
é sentir-se excelsus ente
numa embriaguez da mente…

É sensualidade que extasia
elevada ao climax da eudaimonia!...
                             «»





Love is ...

Ascend into heaven of enchantment,
kiss the stars of the firmament,
dive with the angels in the deep sea
and fly over the world ...
It's a noble sentiment
is embracing the universe in every moment,
is feeling Excelsus ente
a drunken mind ...
It sensuality that ecstas
raised to the climax of eudaimonia ! ...

                    «»

Poema de - Zélia Chamusca 

Reeditado                                                               

2 comentários:

  1. Não foi lapso. A palavra existe:
    Significado de Eudaimonia

    s.f. Condição do que é prospero; em que há ou representa fartura e abundância; prosperidade.
    P.ext. Estado ou condição da pessoa feliz; felicidade.
    P.ext. Composto pelo que é bom; tendência ou habilidade para se viver bem; maneira de agir virtuosa; o necessário para que o indivíduo viva bem.
    (Etm. do grego: eudaimonía)

    Desejo isto à autora e aos leitores que gostarem do poema
    AJS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Trata-se do conceito aristotélico de felicidade (eudaimonía), só realizável através duma atitude ética de virtude.
      Eudaimonia é o Bem maior e de acordo com o significado etimológico:
      eu= bem disposto, feliz;
      daimon = com poder divino
      O conceito de eudaimonia pode variar de acordo com a filosofia de cada filósofo, e de acordo com o seu tempo, isto é, de acordo com a praxis, o modus vivendi, e a cultura, da época, seguindo o caminho do Bem.
      Por outras palavras, é uma vida virtuosa que consiste numa vida politica e moral que deve ser regida pela retidão moral.
      Hoje, a aplicabilidade desta palavra em termos de realidade, isto é, propriamente dito, não faz sentido a não ser no lirismo poético, aplicado aqui, neste poema.
      ZCH

      Eliminar