sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Deixai vir a mim as criancinhas / Let the little children come to me.








Natal é nascimento, nascimento de Jesus.
As crianças adoram o Menino Jesus e pedem-Lhe  presentes: brinquedos, guloseimas, etc.
Gostam de preparar e admirar o Presépio, com o Menino nas palhinhas deitado, José e Maria, os Reis Magos, os pastores, as ovelhinhas e outras figurinhas que o animam.
Jesus vem de novo, renasce, na imagem de uma criança.
Ele surge, ciclicamente, como num mito eterno. É símbolo de renovação, do homem novo, do ser humano renovado.
Jesus ama as crianças. Elas são a esperança da renovação. Representam a pureza, a paz e o amor.
Neste Natal, Jesus, eu Te peço, faz com que os homens, tal como Tu, chamem a si as criancinhas.
Eles, delas, se esqueceram...
Tiram-lhes o que não deram…Não lhes dão; tiram o pão!..
Tiram o abono de família (às famílias pobres) às criancinhas pobres, tiram os subsídios de auxílio às instituições de beneficência de apoio às crianças pobres e/ou abandonadas.
Este país está muito pobre… Os ricos já não podem pagar a crise...
Não sei quem criou a crise...
Mas, as crianças, Senhor?!...


Neste Natal, Jesus, abre os corações fechados, deixa-nos Tua Mensagem:
“Deixai vir a mim as criancinhas”.
                 «»
                                   Zélia Chamusca






Nota


Escrito em Dez/2010
Infelizmente cada vez mais actual
Por isso, aqui, fica reeditado


Let the little children come to me
                                                                           (By Zelia Chamusca)
Christmas is birth, the birth of Jesus.
Children love the Child Jesus and ask Him gifts: toys, treats, and so on.
They like to prepare and admire the Nativity, with the Child Jesus lying on straws, Mary and Joseph, the Magi, the shepherds, the sheep and other figurines that animate it.
Jesus comes again, reborn in the image of a child.
He emerges cyclically, as a timeless myth. It is a symbol of renewal, the new man, the human being renovated.
Jesus loves children. They are the hope of renewal. Represent purity, peace and love.
I ask Jesus, this Christmas, makes men, like You, call themselves the children.
They, them, they forgot ...
  They take what is not given ... Do not give them; take the bread! ..
Take child benefit (poor families) to poor children, take subsidies to aid charities to support poor children and / or abandoned.
This country is very poor ... The rich can no longer afford the crisis ...
I dont know who created the crisis ...
But, children, Lord? ...
This Christmas, Jesus, opens hearts closed, leaves us Your Message:
"Let the little children come to me."

4 comentários:

  1. Gostei muito do Texto, e quero fazer um pps gostaria de ter autorização da
    autora Zélia Chamusca. Muito Grata
    Abraços Vera Luzia Slides
    www.sergrasan.com/veraluzia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que autorizo, com muito gosto e agradeço que me envie para eu divulgar a meus amigos, neste Natal.
      Grata, Vera Luzia,
      ZCH

      Eliminar
  2. Amiga Zélia,
    Todos os seres vivos, a Natureza merece o nosso respeito e cuidados. Mas as crianças Senhor? Essas são o germe da humanidade de amanhã. Por isso, devem ser objecto de todo o carinho, no aspecto de formação de preparação para o seu futuro papel de seres adultos, responsáveis, agentes de modernidade para continuação da espécie. É muito trágico que algumas pessoas armem em almas sensíveis para os animais e não dediquem a sua atenção às crianças a fim de lhes garantirem uma vida digna É com o pensamento nelas que se pode construir um Mundo Melhor, termo que a autora escolheu para título do seu último livro.
    Beijo
    A João Soares

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ilustre Sr A.João Soares, não privilegio mais as crianças que os idosos. Cada uma destas classes etárias merecem o tratamento, o cuidado e o respeito que lhes é devido e de acordo com as suas circunstâncias e necessidades. O que me fere é que não há, absolutamente, nenhum respeito pelo ser humano. Não há respeito pelas crianças, pelos adultos, pelos velhos,pelos que trabalham, pelos que já muito trabalharam, etc, etc. Perdeu-se a moral e a vergonha nesta sociedade e, fundamentalmente, em quem tem o poder, que por nós lhes foi conferido para que nos defendessem e respeitassem, e, esbugalham-nos, pisam-nos como coisas,como meros seres ínfimos, em favor dos seus próprios interesses que não é mais do que encherem-se através da corrupção e da desumanidade, explorando o pobre, o mais frágil e desprotegido! Nem no Natal lhes dão tréguas. Onde está o Natal? Onde está - O Verdadeiro Espírito do Natal?
      Grata por sua presença.
      Beijinho,
      ZCH

      Eliminar