sexta-feira, 18 de maio de 2012

Amor é Inefável


                                                         

 


O amor é aos olhos invisível

E em palavras indizível.

Ele vê-se com o coração,

Age e exprime-se

Não com palavras,

Faladas,

Mas, através do sentimento,

Da ação

E emoção

Que preenchem o coração. 


 O amor é inefável… 


O amor paira na alma,

Acalma,

Suprime a dor,

É amor!... 


O amor porque é essência,

É aos olhos invisível,

Mas, no sentimento

Tem a forma mais visível,

Através do carinho,

Da amizade,

Da tranquilidade,

Do sorriso,

Da alegria,

Da paz,

Da felicidade!...

«»
                                                                                    

 


Da obra  - Pedaços do meu coração
Autora - Zélia Chamusca
Edições Vieira da Silva

6 comentários:

  1. Este acabei de ler na PEAPAZ. É de uma sensibilidade radiante. Pois o amor apenas se sente. E com tamanha intensidade, que nem há precisão de vê-lo ou tocá-lo.
    Bjssss no seu coração

    ResponderEliminar
  2. É sim, Mónica, e é também tão transcendente que, por vezes, nem sabemos por que ele chega ou acontece e a razão nem entende...
    Grata minha Querida Mónica por todos os comentários aqui feitos e desejo um bom fim de semana com amor,
    ZCH

    ResponderEliminar
  3. O amor é o sal da vida. Não se descreve, apenas se sente. Gostei muito querida amiga. Beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Colega e Amigo, Grande Poeta Guilherme Duarte,
      Grata por seu carinhoso comentário e beijinho,
      ZCH

      Eliminar
  4. Só o amor alcança a plenitude...Lindo blog..
    Te abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Marcia Portella!

      Que agradável surpresa!

      Muito grata pela visita e resto de um bom domingo.

      Beijinho,

      ZCH

      Eliminar