sábado, 4 de fevereiro de 2012


V    




















VOANDO E SOBREVOANDO

Vem, Meu Amor
Sobre os céus voando
E sobrevoando
Em tuas asas de prata,
Sobre os ares,
Sobre as nuvens,
Sobre os mares
E oceanos
P’ra minhas saudades matares…

Vem, Meu Amor
Sobre os céus voando
E sobrevoando
As ondas da fantasia,
Amar-me com tua magia,
Saciar-me com teu amor
E eu o meu te darei,
Ternamente, como eu sei…

Vem, Meu Amor
Sobre os céus voando
E sobrevoando,
Mas, não subas às estrelas,
Vem buscar-me, por favor,
Subiremos até elas…

E, lá, sua luz esplendorosa
Encherá nossos corações
De felicidade gloriosa!...
              «»


Poema de - CHAMUSCA, Zélia                  
Da obra  -  PEDAÇOS DO MEU CORAÇÃO                                                   
Edições Vieira da Silva
ISBN - 978-989-8545-00-8



 



                                                                         






4 comentários:

  1. É sempre um prazer ler a sua poesia que estou a começar a conhecer. O amor, aquele amor, só pode chegar até nós vindo do céu, cintilante como as estrelas e pintado com a cor prateada da lua.

    ResponderEliminar
  2. Querido Amigo e Poeta Guilherme Duarte,
    Grata por seu poético comentário, em consonância com o meu poema.
    Quando esta vertente de amor, mesmo sendo fantasia, é sentida, já somos felizes, pelo menos enquanto escrevemos.
    Beijinho,
    ZCH

    ResponderEliminar
  3. Boa tarde estimada Poetisa Zélia, que imensa alegria estar aqui em seu espaço Literário, e poder ler sua boa Poesia, rendo a grandeza de sua alma Poeta, com admiração,
    Efigênia Coutinho

    ResponderEliminar
  4. Querida Senhora, Grande Poetisa Efigênia Coutinho,
    É uma honra receber sua visita neste espaço e ser brindade com seu incentivante comentário.
    Muito grata e beijinho,
    ZCH

    ResponderEliminar