segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

EROS




 
EROS
Aqui te espero meu Eros,
Meu Deus Primordial,
Meu Deus do Amor,
Meu Amado,
Para que me ames
Além do infinito,
Sob o mais perfumado
Dossel celeste,
De magia e cor
E inebriante odor,
O nosso Amor...
     «»


Poema de - CHAMUSCA, Zélia


Fonte de Imagem - Google

2 comentários:

  1. "Para que me ames
    Além do infinito"

    O amor eterno. Não é possível pedir mais, mas deve ser o mínimo que devemos pedir. Já não passo sem a leitura matinal de pelo menos um poema da minha poetisa preferida. Gosto de me maravilhar logo pela manhã.

    ResponderEliminar
  2. Olá Duarte!

    Fico feliz com seu comentário agradável e incentivante.

    Grata e beijinho,
    ZCH

    ResponderEliminar